Ministério de Teatro

teatro1
 

  • O que é fazer parte de uma equipe de teatro cristão?

O teatro cristão é uma arma que Deus colocou em nossas mãos para levarmos a mensagem do Evangelho aos perdidos. Uma arma que Deus tem usado e quer usar e aprimorar mais para fazer avançar o seu Reino. Se seu desejo é pregar o evangelho de Jesus Cristo, então o teatro é uma estratégia para tal! Teatro é passar uma mensagem.Por isso você precisa saber qual mensagem quer levar. Nós levamos a mensagem do Reino!

  • Quando foi fundado o ministério de teatro na Igreja Apostólica Ágape:

Em Janeiro de 2008.

  • História da fundação do ministério:

O teatro e o Ágape têm uma história muito antiga juntos.
Mesmo antes de sermos uma igreja, os membros fundadores do Ágape já tinham algumas peças que usavam em seus impactos evangelísticos, inclusive uma que ainda apresentamos hoje: o jogral “Buscai-me e vivei”.
Depois desta época, tivemos em períodos diferentes várias iniciativas para tentar resgatar este ministério em nossa igreja, o que vingou em 2008 com a proposta de apresentarmos novamente o jogral “Buscai-me e vivei”, para comemorar os 25 anos da igreja Apostólica Ágape. Essa apresentação foi feita pelo Sílvio, que a partir desse momento foi usado por Deus para resgatar este ministério em nossa igreja.
Depois de alguns montes e vales em nosso ministério artístico, por volta de 2011, tivemos muitas respostas positivas, vários membros chegaram, entendemos o nosso papel em nossa igreja, começamos a ver a mão do Senhor em nosso favor.
Hoje, temos um grupo fiel, consolidado, e aliançado com nossos Apóstolos e nossa Igreja, e que entende o seu papel nesse corpo.
Em 2012, Deus nos direcionou a criar uma Escola de Artistas, pois tivemos uma demanda de pessoas que se interessaram em entrar no ministério. Foram três meses de preparação, concluídos com uma apresentação que foi feita com base no que foi desenvolvido na escola.
Desde essa formação Deus nos presenteou com algumas peças muito especiais como “Frutos no Divã” (2011), “Debaixo das Lonas do Céu” (2012), “A liga x a Indiferença” (2012) e “Os Jonas” (2013).
Os trabalhos realizados pelo ministério e a seriedade do mesmo vem gerando alguns convites para ministrarmos não somente nossas peças em outros locais, como também oficinas, pois entendemos que um ministro de teatro completo precisa desenvolver não somente sua parte espiritual, mas também sua parte artística.

  • Principais objetivos e estratégias:

A edificação da Igreja e evangelizar aqueles que ainda não conhecem a Cristo são os nossos objetivos.
Para isso, procuramos sempre nos avaliar e entender em que podemos melhorar, a fim de fazer cada dia com mais excelência aquilo que temos buscado no Senhor: sermos Ministros do seu Evangelho.
Cremos que a transformação do outro, sempre vem depois de nossa própria transformação, então temos que viver o que pregamos para termos respaldo, principalmente, no mundo espiritual. Isso não quer dizer sermos perfeitos, mas sim nunca nos acomodarmos com aquilo que precisamos mudar para alcançarmos o caráter de Cristo.
Através dessa arte, podemos envolver as pessoas em mais de um “sentido” ao mesmo tempo: visão, audição, tato, sensações, o que pode ser um forte aliado à pregação do Evangelho no que se refere à maior facilidade de captação da mensagem de Cristo.

  • Quais são os resultados alcançados para o Reino de Deus?

Temos visto Deus operando de diversas formas, tanto fora quanto dentro do ministério. Um exemplo que tem nos dado muita alegria é o de um dos membros do grupo, o Yan.
Quando ele chegou ao ministério, era daqueles que “entrava mudo e saia calado”, mas com o passar do tempo, fomos acompanhando seu desenvolvimento e hoje ele é umas das figuras ilustres de nosso grupo, ficando nacionalmente conhecido como o palhaço “Palito” e interpretando personagens marcantes como o barco na peça “Os Jonas”.
Hoje o mais difícil é fazer ele ficar quieto... (graças a Deus por isso!).
Também em momentos em que fomos ministrar oficinas em outras igrejas, temos tido uma satisfação muito grande e visto o crescimento dos grupos destes locais. (Nosso amigo “corcova” da igreja do Pr. Rezende, em um café da manhã de Pastores do M12 Minas, nos procurou para falar como o grupo cresceu e ganhou força depois da oficina.).
Testemunhos de conversão também têm marcado alguns momentos de nossas apresentações, como no dia que apresentamos no Ágape em BH a peça “Debaixo das lonas dos Céus”.
Estamos gratos pelo que o Senhor tem feito, mas não satisfeitos. Buscamos mais no Senhor!

  • Funções:

Atualmente no ministério todos os membros são colocados para atender o que for necessário, pois ainda não chegamos ao ideal.
O ideal seria que tivéssemos as funções bem definidas, como:
Atores;
Dramaturgos;
Figurinista;
Iluminador;
Sonoplasta;
Produtor;
Cenógrafo.
Dentre estas, algumas estão em aberto no momento, principalmente, Sonoplasta.

  • Como se tornar membro do teatro da rede de jovens?

Autorização da sua liderança.
Observação
A partir do momento em que a demanda de pessoas que buscam entrar no ministério for suficiente para abrirmos uma escola de artistas, será marcada uma data, e dado início o processo de inclusão.

  • Atual líder do ministério de teatro:

Rayza Luppi

Inspiração

Romanos 1