O jogador Russell Wilson do time de futebol americano Seatle Seahawcks: “Minha fé é tudo”

Wilson Russel

Reuters/Mark J. Rebilas-USA TODAY Sports – O quarterback Russel Wilson do Seattle Seahawks ajoelhado em oração com seus colegas de time depois da Super Bowl XLVIII contra o Denver Broncs no MetLife Stadium.

Por Lucinda Borkett-Jones, do website Entertainment, reportagem publicada em 29 de janeiro de 2015.

O jogador quarterback Russel Wilson do Seattle Seahawks disse na mídia do Super Bowl (maior liga de competição de futebol americano dos EUA) que embora ele ame jogar futebol americano, a “sua fé é tudo para ele”.

Wilson, de 26 anos, disse que enquanto ele queria ser reconhecido como um jogador de futebol americano de sucesso – “um vencedor” – ele também queria deixar um legado como um homem cristão que serve outras pessoas. “No que diz respeito ao meu legado fora do campo, eu quero ser um homem cristão que ajuda a liderar, ajuda a mudar vidas e ajuda a servir outras pessoas. Não é sobre mim, sabe”. Disse Russell. “Não é nada sobre mim, mas é sobre servir e ajudar outras pessoas. É nesse tipo de pensamento que eu mantenho meu foco.
Durante a entrevista ele aproveitou para mandar um abraço para o pessoal do hospital de crianças que ele visita toda terça-feira. “Para todas as crianças daí do hospital, eu só estou orando por vocês, e orando por milagres”, disse ele.
Ao responder uma pergunta de uma criança de 12 anos sobre como ser um bom quarterback, ele disse que o conselho que ele teve de seu pai foi o seguinte: “Tenha um grande propósito na vida, tenha grandes perspectivas e sempre persevere”.
Wilson disse que reconhece que sua carreira esportiva vai acabar um dia, mas a sua carreira não é sua principal prioridade, embora ele ame seu trabalho – sua fé vem primeiro. “No que se refere a minha fé, minha fé é tudo: Deus vem primeiro, família e amigos vêm depois, e o futebol americano vem em terceiro”, disse ele. “Eu creio que quando você mantém essa ordem, coisas ótimas acontecem com você. Você não se estressa com muita coisa”.
Falando sobre a importância da integridade, ele disse: “Nós sempre cometemos erros, mas nós somos jogadores de futebol americano. Nós somos capazes de usar nossos dons. Para mim, eu sou capaz de usar meus dons para glorificar a Deus. Isso é o que importa para mim”.
Wilson é conhecido por ser um cara aberto sobre sua fé e que frequentemente postar tweets sobre versos bíblicos e agradecimentos a Deus. Mais cedo, nesta manhã ele tweetou:

tweet

“Estou #Agradecido pelo discernimento que Deus me deu. Ele me colocou no lugar perfeito!”

O Seattle Seahawks jogará contra o New England Patriots na SuperBowl XLIX neste domingo no Estádio da Universidade de Phoenix, em Glendale, Arizona.

*Russel Wilson se tornou devoto ao Cristianismo aos 14 anos de idade quando ele disse que viu Jesus em um sonho. Wilson frequentemente faz referência da sua fé nas conferências de imprensa e em entrevistas. Wilson também é um voluntário ativo na Comunidade de Seattle. Durante as temporadas da NFL (em inglês – Liga de Futebol Americano Nacional dos EUA), Russel fez visitas semanais ao Hospital de Crianças de Seattle e também visitou soldados da base americana de Joint-Base Lewis McChord. Fora da temporada, Russel tem a instituição Russel Wilson Passing Academy, um projeto de ensino de futebol americano para juventude, em várias cidades. Em 2012, os proventos da instituição foram destinados à Associação contra Diabetes Charles Ray III, onde ele é o embaixador nacional. Desde 2013, Wilson é ainda, o co-anfitrião de um evento de golfe para caridade juntamente com o motorista do NASCAR Kasey Kahne que acontece no Suncadia Resort em Cle Elum, Whasington. Em junho de 2014 ele conseguiu levantar 220 mil dólares que foram doados para a instituição Boys and Girls Clubs of America.

(Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Russell_Wilson#Personal_life).

Traduzido by Pablo Henrique

Inspiração

Romanos 1